Recuperar password | Inscrever


Biografia Banda

Período  


1994-96: Crossroad/These Days



    

Em 1994 Alec John Such, membro fundador, deixa os Bon Jovi. Depois de muitos rumores, é confirmada saída definitiva do baixista, que afirmava estar estava cansado da vida na estrada e da gravação de álbuns. Alec passou a dedicar-se a vários projectos: torna-se manager de uma banda, monta uma linha telefónica grátis de aconselhamento a jovens músicos e abre uma loja de Harley Davidsons.

Hugh McDonald é escolhido como "substituto". Hugh, um velho conhecido e companheiro de estúdio desde os primeiros tempos dos Bon Jovi, acompanha ainda, actualmente, a banda não sendo considerado até hoje como um membro oficial da banda.

A par deste período conturbado para banda, em Outubro foi lançada a primeira compilação dos Bon Jovi, "Crossroad – The Best Of Bon Jovi". Um dos títulos inicialmente sugeridos para esta compilação (da autoria de Richie) era "Elvis is Dead But We're Not".

"Crossroad" incluía 13 sucessos da banda mais dois temas originais: “Someday I’ll Be Saturday Night” e "Always". Lançado como single um mês antes da compilação, este último tornou-se o single mais vendido da carreira dos Bon Jovi, sendo o grande responsável pela angariação de uma nova vaga de fãs da banda.

 "Always" tinha sido escrito para a banda sonora do filme "Romeo's Bleeding", mas Jon decide antes usá-lo para o álbum da banda. Na semana de lançamento do single, Jon e Richie tocam ao ar livre no Covent Garden, em Londres.

"Crossroad" acabaria por ser o álbum mais vendido do ano no Reino Unido, atingindo em todo o mundo vendas superiores a 12 milhões de cópias. Nesta altura, Jon surpreende todos ao revelar a sua estreia no cinema, representando um pequeno papel no filme "Moonlight & Valentino", com estrelas como Elizabeth Perkins, Gwyneth Paltrow, Kathleen Turner e Whoopi Goldberg. Jon tinha tido lições de representação durante alguns anos sem conhecimento público. As filmagens decorreram durante o mês de Novembro no Canadá.

    

Mesmo no final de 1994 os Bon Jovi lançam um single de Natal, "Please Come Home for Christmas", tema que já tinha sido gravado por Jon dois anos antes para integrar a colectânea "A Very Special Christmas". Para a edição de ‘94 Jon rodou um vídeo de promoção com Cindy Crawford. Também em Dezembro, Richie casa-se com Heather Locklear em Paris, após um namoro de 10 meses.

Com inúmeras apresentações ao público, encaixadas na “Crossroad to the East Tour”, a banda aproveitou para apresentar o seu próximo álbum de estúdio que estava, ainda, a ser preparado desde Novembro de ’94 nos estúdios Bearsville, em Nova Iorque. Em Julho de 1995 é editado o 6º álbum de originais dos Bon Jovi: "These Days". O álbum, cujo título era para ter sido "Open All Night", foi gravado nos estúdios Bearsville, estando a produção entregue a Peter Collins.

Apresentado pelo single “This ain’t a love song”, uma mega balada, ao contrário das expectativas da própria banda, o trabalho surgiu com sons um pouco mais taciturnos e de crítica social, como por exemplo os singles “Hey God” ou “These Days”.

Nas tabelas o êxito do disco era estrondoso, a estrear em primeiro lugar na tabela britânica, destronando History de Michael Jackson e, por exemplo, ao ser o álbum estrangeiro a registar o maior número de vendas num curto espaço de tempo no Japão.

O sucesso do álbum complementou-se pela tournée europeia, a "Here, There and Everywhere Tour". Durante a sua passagem por Inglaterra, decidem actuar ao ar livre. A actuação não ocorreu numa, mas em três cidades inglesas no mesmo dia: Glasgow, Cardiff e, finalmente, Londres! Como a actuação em Londres acabou já de noite, os Bon Jovi viram-se obrigados a apanhar um vôo directo de Londres para Lisboa, onde iriam actuar na noite seguinte. Dias depois, esgotavam por três noites consecutivas o Wembley Stadium, o que nunca tinha sido conseguido antes por nenhum artista. O último destes três concertos foi mais tarde lançado num vídeo, com o nome de "Live From London".

   

Após a tournée europeia seguiram-se as datas nos EUA, Canadá, Austrália, América Central e do Sul e a primeira visita dos Bon Jovi à África do Sul, no início de Dezembro.

Neste ano David grava o seu segundo trabalho a solo, o álbum "On A Full Moon". Este álbum inclui vários temas instrumentais de piano e órgão, compostos na totalidade por David, e ainda uma versão ao piano de "In These Arms", cantada pelo próprio.

Com um hiato na tournée entre o final de ’95 e Maio de ’96, no início de 1996, Jon roda o seu segundo filme "The Leading Man", desta vez como protagonista. As filmagens decorreram em Londres, durante três meses.

Em Maio os Bon Jovi voltam à estrada. A tournée teve início no Japão, e terminou em Julho, na Finlândia. No final, somaram-se centenas de espectáculos em mais de 30 países, que se juntaram a inúmeros primeiros lugares nas tabelas de todo o mundo e vários prémios como Best Selling Rock Band nos World Music Awards ‘95, Best Rock nos MTV European Music Awards’95, Best International Band nos Brit Awards ’96 e a nomeação de Grammy para o vídeo Live From London.

Estava terminado mais um ciclo para a banda e aberto uma nova fase para cada um dos membros dos Bon Jovi que enveredaram por projectos pessoais ao longo desta paragem consciente para os Bon Jovi.

 

 

Destaque


Livro de Fãs
Lê aqui tudo sobre o livro

 

Próximos Concertos
 
 
 
Clube

 Inscreve-te

 Bon Jovi em Lisboa 2011

 

Bandas Tributo

 

 

 


 

 
O I Believe tem o apoio de: I Believe apoia: